Saturday, October 17, 2009

Amar é...

Roupa Nova

Amar!

É quando não dá mais
Prá disfarçar
Tudo muda de valor
Tudo faz lembrar vocêAmar!
É a lua ser a luz
Do seu olhar
Luz que debruçou em mim
Prata que caiu no mar...
Suspirar sem perceber
Respirar o ar que é você
Acordar sorrindo
Ter o dia todo prá te ver...
O amor é um furacão
Surge no
ter licença prá entrar
Tempestade de desejos
Um eclipse no final
De um beijo
O amor é estação
É inverno, é verão
É como um raio de sol
Que aquece, tira o medo
De enfrentar os riscos
Se entregar...Amar!
É envelhecer querendo
Te abraçar
Dedilhar num violão
A canção prá te ninar...
Suspirar sem perceber
Respirar o ar que é você
Acordar sorrindo
Ter o dia todo prá te ver...
O amor é um furacão
Surge no coração
Sem ter licença prá entrar
Tempestade de desejos
Um eclipse no final
De um beijo
O amor é estação
É inverno, é verão
É como um raio de sol
Que aquece, tira o medo
De enfrentar os riscos
Se entregar
Uh! Uh!...

No comments:

Post a Comment