Monday, December 01, 2014

nunca deixe de sonhar..


Há uma luz em algum lugar
Que vai fazer seu sonho se realizar
É só você acreditar
Que uma nova estrela vai poder brilhar
Algo em você vai despertar
Não duvide nunca você vai chegar
Nunca deixe de sonhar
Nunca deixe de sonhar
Há uma luz que não se vê
Brilha o tempo todo dentro de você (há uma luz)
Há uma luz em algum lugar
Que vai fazer seu sonho se realizar
Se está além do sol
Ou além do mar
Bem além do tempo
Sei que há um lugar
Onde eu quero ir
Onde eu quero estar
Ver a fantasia se realizar

Sunday, November 02, 2014

e vc pensa assim? nada é por acaso


Já faz algum tempo
Que eu fui te declarar
A minha paixão
O desejo de te conquistar
Você me evitou(eu que te evitei)
E nem ao menos quis tentar
E até disse não
Com medo de se entregar
Mas um sentimento
Quando é pra valer
Cedo ou tarde faz
O que era sonho acontecer
Agora eu sei, posso sentir
Que o seu amor já faz parte de mim
Tudo o que eu falei
De alguma forma te envolveu
Te enfeitiçou
De repente, você percebeu
Que nada é por acaso
E nem precisa ter razão
Você aceitou(eu aceitei)
Dar uma chance pro meu coração
Quando a gente ama
Vale a pena arriscar
Mais de mil caminhos
Pra poder se encontrar
Agora eu sei, posso sentir
Que o seu amor já faz parte de mim
Você vai descobrir o que é(eu sei q vc me ama )
amor de verdade
Sei que os meus olhos
vão te convencer
Que eu te amo além das palavras
Ah...como eu quero você
Mas um sentimento
Quando é pra valer
Cedo ou tarde faz
O que era sonho acontecer
Agora eu sei, posso sentir
Que o seu amor já faz parte de mim

Wednesday, October 29, 2014

ESTRELA QUE MAIS BRILHAR !

Como é difícil
Ter que ir e te deixar
Te abraçar e resistir
Dar adeus, me despedir
É impossível
Te deixar e não sofrer
Sorrir pra não chorar
Pois em todo o meu caminho
O teu amor vai me guiar
É com você que eu vou sempre estar
Dentro do meu coração
Nada vai nos separar, baby
Não há distância pro amor
E se a saudade apertar
Procure no céu
A estrela que mais brilhar (a estrela que mais brilhar)
Ela será o meu olhar
Um amor assim
Não importa o lugar
A mesma lua que olhar
Se estiver pensando em mim
Vou sentir tocar
Em tudo o que existe em nós
O amor é a solução
Pra afastar a solidão
Até quando eu voltar
É com você que eu vou sempre estar
Dentro do meu coração
Nada vai nos separar, baby
Não há distância pro amor
E se a saudade apertar
Procure no céu
A estrela que mais brilhar (a estrela que mais brilhar)
Ela será o meu olhar
Quando eu voltar, meu coração
Então vai respirar ao tocar o seu
Ficar pra sempre assim
Pra sempre assim...
Oh, com você eu vou estar, uh...
E se a saudade apertar
Procure no céu
A estrela que mais brilhar (a estrela que mais brilhar)
Ela será o meu olhar
Com você que eu vou sempre estar
Dentro do meu coração
Nada vai nos separar, baby
Não há distância pro amor
E se a saudade apertar
Procure no céu
A estrela que mais brilhar (a estrela que mais brilhar)
Ela será o meu olhar
Vou estar, vou estar
A estrela que mais brilhar
Vou estar, vou estar
A estrela que mais brilhar

Tuesday, October 28, 2014

o lugar perfeito para o amor viver!

Sao teus olhos
A luz de mil estrelas sao teus olhos
Voce que acendeu a minha vida
Nao deixe nunca o brilho se apagar
Meu amor

Se eu pudesse traduzir, meu coracao

Todas as poesias feitas da paixao
Nao seriam o bastante pra dizer
Meu amor
No silencio dos teus bracos eu ja sei
Que no teu abraco eu ja encontrei
O lugar perfeito pro amor viver
Meu amor
Que transforma o mundo inteiro
em um jardim
Que me faz acreditar que pra mim
Que a lua se derrama pelo mar
Meu amor
Eu sabia antes de te conhecer
Que os meus sonhos me guardavam
pra voce
Esperando a hora de te encontrar
Sao teus olhos
A luz de mil estrelas sao teus olhos
Teus olhos...
https://www.youtube.com/watch?v=O2EpJS4T2Zk

Saturday, October 25, 2014

... se já é amor...

Como cortar pela raiz se já deu flor?
Como inventar um adeus se já é amor?
Como cortar pela raiz se já deu flor?
Como inventar um adeus se já é amor?

Não quero reescrever
As nossas linhas
Que se não fossem tortas
Não teriam se encontrado

Não quero redescobrir
A minha verdade
Se ela me parece tão mais minha
Quando é nossa

Como cortar pela raiz se já deu flor?
Como inventar um adeus se já é amor?
Como cortar pela raiz se já deu flor?
Como inventar um adeus se já é amor?

Não me deixe preencher com vazios
O espaço que é só teu
Não se encante em outro canto
Se aqui comigo você já fez morada

https://www.youtube.com/watch?v=25lxw-VuvFk&list=PLKT1pVByv8KT4TuNdORj4-wLrPbqDI2ht

Amar e confiar


De todas as necessidades básicas do ser humano, a que supera todas as outras é a de ter alguém para amar.
Mas não basta amar. É preciso também ser amado por aquele alguém que se ama.
Só que muita gente tem uma ideia totalmente errada do que seja amar. Ao contrário de quase tudo o que se pensa, amar não é apenas deixar brotar o sentimento de bem-querer. Esse pode ser apenas o começo do verdadeiro amor. Mas é preciso cuidar desse sentimento depois que ele brota, para ver o verdadeiro amor dar frutos.
Amar e ser amado é um exercício constante de cultivo da semente do amor e de cuidados com essa planta tão delicada, mas que enche de cor e perfume a nossa vida.
O verdadeiro amor precisa, para se fortalecer e se consolidar, de bom relacionamento, de cumplicidade, de carinho e, acima de tudo, de confiança mútua.
O amor enfraquece quando a confiança não se estabelece. O amor definha quando é questionado além do que convém.
O ciúme é tempero e é bom para dar mais sabor à relação. Mas como qualquer tempero, o excesso estraga o sabor do prato principal.
Para o amor crescer saudável, é preciso que se tenha ele como a coisa mais importante e verdadeira em uma relação. E que o restante seja apenas complemento, seja apenas o acompanhamento da refeição principal.
Tudo o que o Amor pede é sinceridade, dedicação e entrega. Uma entrega que só é possível quando se confia no ser amado, acima de todas as coisas terrenas.
Difícil? Talvez…
Impossível?… Nunca!
Tudo se resume a aprendermos a amar e confiar.
Amar e confiar… Não dá para ser diferente disso.
Senão o que chamamos de amor se torna uma verdadeira prisão.




Gilberto Cabeggi

Saturday, June 14, 2014

Aprenda que há mais dos seus pais em você do que você supunha. Aprenda que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens, poucas coisas são tão humilhantes, e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso.

Aprenda que quando está com raiva tem o direito de estar com raiva, mais isso não te dá o direito de ser cruel. Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame,não significa que esse alguém não sabeamar, contudo, o ama como pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabe como demonstrar ou viver isso.

Aprenda que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém, algumas vezes você tem que aprender a perdoar a si mesmo. Aprende que com a mesma seriedade com que julga, você será em algum momento condenado.

Aprenda que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte.

Aprenda que o tempo não é algo que possa voltar para trás, portanto, plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar que alguém lhe traga flores...

E você aprende que realmente pode suportar... que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais.

E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida!

Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o bem que poderíamos conquistar, SENÃO FOSSE O MEDO DE TENTAR.

Aproveite o dia para viver seu melhor!

Wednesday, March 19, 2014

Patience

Just have a little, patience

I'm still hurting from a love I lost,
I'm feeling your frustration,
But any minute all the pain will stop,
Just hold me close inside your arms tonight,
don't be too hard on my emotions
Cause I, need time,
My heart is numb has no feeling,
So while I'm still healing,
Just try and have a little patience,
I really wanna start over again,
I know you wanna be my salvation,
The one that I can always depend,
I'll try to be strong, believe me,
I'm trying to move on,
It's complicated but understand me,
Cause I need time,
My heart is numb has no feeling,
So while I'm still healing,
Just try and have a little patience,
Yeah, have a little patience, Yeah

Cause this scar runs so deep,
It's been hard,
But I have to believe

Have a little patience,
Have a little patience,

Cause I, I just need time,
My heart is numb has no feeling,
So while I'm still healing,
just try, and have a little patience,

Have a little patience,
My heart is numb has no feeling,
So while I'm still healing
just try and have a little... Patience


Sunday, February 16, 2014

Quando penso em te encontrar
passa um filme outra vez
tinha tanto pra falar, mas na hora me calei
eu congelei, perdi a voz
sobrou bem entre nós
o céu azul
O tempo passa e eu sem jeito
não consigo ver direito
imagens de uma vida sem você
e como vou agir agora?
se a coragem for embora
pra te encarar sem ter que te perder

Todo esse amor vale a pena

pode até duvidar, olha pra mim pra não errar
chegou a hora, eu sei
de fazer o que eu não fiz
quem sabe agora a gente vai
ser mais feliz

Quando vai se aproximar, me dispara o coração

essa forma de te amar dói bem mais que a solidão
nem te chamei, nem me arrisquei
senti mais disfarçei, eu fui chorar

O tempo passa e eu sem jeito

não consigo ver direito
imagens de uma vida sem você
e como vou agir agora?
se a coragem for embora
pra te encarar sem ter que te perder

e como vou agir agora?

se a coragem for embora
pra te encarar sem ter que te perder

Monday, February 03, 2014

De Cusco a Machu Picchu: uma viagem pelos mistérios e encantos do Peru

Leonardo Marques 08/09/2011       A convite de LAN Airlines, o Melhores Destinos esteve no Peru para conhecer um pouco de Cusco e  Machu Picchu, região que era a capital da civilização Inca, uma das maiores que o mundo já conheceu. No ano em que Machu Picchu está comemorando o centenário de seu descobrimento, nossa editora de destinos, Camille Panzera, afivelou os cintos e conheceu os espetaculares sítios arqueológicos do Peru. Faça seu check-in e embarque nessa viagem com a gente!

O País
O Peru é um dos países que fazem fronteira com o Brasil, e seu horário oficial está duas horas atrasado em relação à capital brasileira. São três línguas oficiais e apesar de a mais falada ser o espanhol, o “quéchua” também ocupa bastante espaço entre os nativos, assim como o “aimará”. Seu extenso território abrange os Andes, a Floresta Amazônica e ainda um litoral economicamente importante para o país, banhado pelo Oceano Pacífico.
A moeda utilizada no Peru é o Novo Sol, e nosso dinheiro é bem valorizado por lá. Trocando suas economias numa casa de câmbio, a unidade do real vale 1,50 soles. O dólar também é aceito em muitos lugares, como restaurantes e entre aqueles que vendem artesanato local.
O clima predominante no país é o equatorial, mas cada região tem suas peculiaridades, fazendo variar os meses de chuva. Enquanto Cusco é uma cidade alta e extremamente seca, Lima é banhada pelo litoral, apresentando umidade elevada.

A viagem até Cusco
No dia 30 de agosto partimos de Brasília no vôo 2772 com destino a Lima. A LAN oferece três vôos semanais entre Brasília e Lima e também entre São Paulo e Lima. De Foz do Iguaçu os vôos semanais são quatro para a capital Peruana. A partir do dia 20 de outubro, no entanto, a LAN planeja extinguir os vôos entre Brasília e Lima por conta do aumento do preço do combustível.
Nosso vôo teve pouco mais de 4 horas de viagem e foi tranqüilo, chegando no horário previsto.
Em Lima, pegamos o vôo 2111 com destino a Cusco, distante uma hora da capital. O vôo é rápido e vale muito a pena, principalmente considerando que o mesmo trajeto, quando feito de ônibus, demora até 20 horas. Se você quer conhecer a história do povo andino, Cusco é o ponto inicial. A partir da cidade você pode conhecer Macchu Pichu, Pisac, Águas Calientes, Ollantaytambo e Urubamba.

A viagem para Macchu Pichu
Quem tem Machu Picchu como objetivo principal tem que saber que chegar ao lugar não é tarefa fácil. Entre sair e chegar ao nosso destino levamos 16 horas. Mas o esforço vale a pena! Em Cusco você terá ainda que percorrer alguns quilômetros até Águas Calientes, o vilarejo mais próximo do Parque Arqueológico e com melhor infra-estrutura.
Machu Picchu só tem um hotel, por isso optar por outros vilarejos é mais interessante. E foi o que fizemos… em Cusco pegamos um transfer até Ollantaytambo (96km), onde fica a estação de trem. A empresa de trem que nos transportou entre Ollantaytambo e Águas Calientes foi a Inca Rail, que proporcionou uma viagem agradável. Nosso vagão tinha poltronas confortáveis e o passeio inclui serviço de bordo. Para estrangeiros, os valores variam entre US$ 100 e US$220 da classe econômica à primeira classe, incluindo ida e volta. Os que preferem pegar o trem desde Cusco podem usar a PeruRail, que têm trens que saem de Poroy.
Hospedagem
Em Águas Calientes nos hospedamos no Hotel Sumaq, um dos mais próximos à Machu Picchu. Considerado de categoria luxo, o hotel oferece quartos confortáveis, atividades típicas e comida bem preparada. Pacotes de três dias e duas noites estão sendo oferecidos a US$885 por pessoa e os pacotes para dois dias e uma noite saem por US$ 437. Para os que preferem o estilo mochileiro, Águas Calientes também tem hostels e lugar para acampar.
Em Urubamba e Cusco (capital) nos hospedamos na rede Aranwa. Enquanto o hotel de Urubamba se apresenta como uma espécie de resort, com piscina, capela e quartos modernos e coloniais, a sede de Cusco mistura o estilo colonial com exposições de quadros e esculturas. Os quartos são uma atração à parte, cheio de modernidades. O hotel em Cusco tem valores que variam entre US$ 280 e 350.
Machu Picchu, a “Montanha Velha”
Esclarecimentos feitos, vamos ao que interessa: Machu Picchu! Considerado patrimônio mundial pela Unesco, o sítio arqueológico inca comemora este ano seu centenário e impressiona por sua arquitetura.
A “Cidade Perdida dos Incas” está 2.400 metros acima do nível do mar e foi construída nessa altitude por causa do clima, necessidade de água e pela segurança que a altura proporciona, evitando desmoronamentos.
Machu Picchu era um centro político e administrativo e foi construída entre 1450 e 1540. A cidade é feita de pedras trabalhadas, que são todas encaixadas uma às outras. Apesar de a maioria pesar entre 10 e 15kg, há pedras que pesam toneladas. Há também inúmeras terraças construídas para o cultivo de alimentos.
Após ver a grandiosidade do lugar, é difícil entender como homens de 1,55m puderam construir tamanha fortaleza! É inacreditável o conhecimento que esse povo possuía e só visitando percebe-se o porquê de ser considerada uma das maravilhas do mundo. É sensacional!
Chegar ao parque só é possível a pé, através da trilha inca, que tem 40km, ou de ônibus que partem de Águas Calientes. O trajeto de ônibus dura 20 minutos e a toda hora os veículos chegam e partem. Como há muitos turistas, chegar cedo é muito melhor! A entrada no sítio arqueológico custa 126 soles (84 reais), e recomendamos que você ande por lá com um guia ou tenha em mãos um livro sobre o assunto – do contrário será difícil entender a dimensão da cidade.
Huayna Picchu, perfeita para aventureiros
Quando você olhar uma foto panorâmica de Machu Picchu, observe ao fundo uma montanha grande. Essa é Huayna Picchu, que tem 2.720 metros de altura. É possível fazer passeios até o topo da montanha, que estão disponíveis em dois horários diários (sempre pela manhã), cada um com limite de 200 pessoas. O tempo de ida e volta pela trilha é de três horas (duas para subir e uma para descer). A subida é difícil, mas a visão que se tem dali é única. O valor cobrado é de 150 soles (100 reais) e inclui o passeio de Huayna Picchu + Machu Picchu.
Ollantaytambo, viagem ao passado
É uma das principais estações de trem para se chegar a Machu Picchu. Se você tiver tempo, aproveite para dar uma volta no povoado, com 5 mil habitantes. O lugar também tem uma boa estrutura para turistas e oferece praticamente tudo que você pode precisar durante sua viagem.
Andar pelas ruas, cheias de pedras, é sinônimo de uma viagem no tempo! Pelas ruelas passam mulheres com trajes típicos, cores vibrantes e seus filhos nas costas. Ollantaytambo também tem ruínas de origem Inca, que ficam próximas ao povoado. Sua localização é estratégica e ainda hoje há famílias nobres vivendo na região.
Pisac
Pisac é um lugar com duas atrações principais: ruínas e um mercado de artesanato. A construção dessas ruínas é atribuída à pré-Incas e Incas e se destacam por estarem numa região de 3.400 metros. O lugar era um centro administrativo e tem uma arquitetura especial, própria para evitar possíveis danos provocados por abalos sísmicos. Suas terraças são peculiares e também se destacam buracos feitos nas montanhas para depositar corpos mumificados e mortos.
O mercado de Pisac é uma ótima oportunidade para você comprar os desejados souvenirs. São muitas opções de tecidos feitos à mão, bolsas, camisas, objetos de prata, bonecas, porta-moedas, enfim… tem de tudo! As pessoas colocarão o preço dos produtos lá no alto ao perceberem que você é turista, por isso pechinche sem medo!!! Enrole no portunhol, e faça uma boa oferta que seu presente está garantido!
Cusco, a capital Inca
A cidade histórica, conhecida como capital da cultura inca, tem cerca de 500 mil habitantes e uma ótima infra-estrutura. Na cidade de Cusco você encontra bons hotéis, restaurantes preparados e até boate. Entre 60% e 70% da população da cidade vive do turismo, por isso há várias lojinhas de artesanato e agências que fazem passeios para pontos turísticos. Alguns lugares são obrigatórios de se conhecer, como a Basílica Catedral de Cusco, que fica na Plaza de Armas, o Parque Arqueológico de Saqsaywaman e o Qoricancha.
A belíssima Catedral de Cusco tem três naves e 12 capelas em seu interior. Muito rica em imagens, quadros, ouro e prata, não se pode fotografar lá dentro para preservação do patrimônio. A entrada custa 25 soles (16 reais). Já o Parque de Saqsaywama, com seus 10 mil anos de idade, é conhecida como fortaleza, apesar de não ter tido nenhuma função militar. O lugar era um centro cerimonial, uma zona sagrada e de estudos. Ele fica a 3.650m de altura e foi construído com pedras enormes. É incrível em todos os sentidos. A entrada custa 70 soles, mas se você comprar um bilhete de 130 soles (86 reais) terá direito a conhecer ainda outros pontos turísticos da região.
Já o Qoricancha, o Templo do Sol, servia como local para cerimônias e estudos como astronomia e matemática. Para entrar são 10 soles (6 reais) e, num passeio que abrange arquitetura, história e arte, você pode conhecer um pouco mais da cultura inca. Esse lugar tinha uma importância equivalente ao que o Vaticano tem hoje e, se era dito nos tempos romanos que “todos os caminhos levam a Roma”, a frase para o lugar era de que “todos os caminhos conduzem a Qoricancha”.
Mal de altura é lenda?
Não é lenda, não. Quem chega por Cusco ou pretende passar uns dias na cidade tem que ter atenção redobrada com a saúde. É muito comum visitantes sofrerem com o “Soroche”, ou mal de altura. Ele ocorre devido às elevadas alturas da região, que provocam sintomas como dor de cabeça, problemas no estômago, vômitos, diarréias, etc. O ideal é se aclimatar subindo um pouco a cada dia, mas como é complicado para a maioria das pessoas, indicamos beber muita água, comer alimentos leves e descansar.
Também é indicado tomar o chá de coca, ou mastigar a folha, que não são proibidos por lá – mas fique só nesses derivados da coca, hein? Nas farmácias é popular a compra de “soroche pills”, e você também pode recorrer a este benefício.
Encerramos assim mais este relato de viagem do Melhores Destinos. Para mais informações, o governo do Peru mantém uma página bacana, com informações turísticas em português.

Saturday, January 04, 2014

  • OS CEM ERROS MAIS COMUNS DA LÍNGUA PORTUGUESA 
  • 1 -  Mal cheiro, mau-humorado.  Mal opõe-se a bem; e mau, a bom. Assim:  mau cheiro (bom cheiro), mal-humorado (bem-humorado).  Igualmente:  mau humor, mal-intencionado, mau jeito, mal-estar. 
  • 2 -  Fazem; cinco anos.  Fazer, quando exprime tempo, é impessoal:  Faz cinco anos. / Fazia dois séculos. / Fez 15 dias. 
  • 3 -  Houveram; muitos acidentes.  Haver, como existir, também é invariável:  Houve muitos acidentes. / Havia muitas pessoas. / Deve haver muitos casos iguais.
  • 4 -  Existe; muitas esperanças.  Existir, bastar, faltar, restar e sobrar admitem normalmente o plural: Existem muitas esperanças. / Bastariam dois dias. / Faltavam poucas peças. / Restaram alguns objetos. / Sobravam ideias.
  • 5 -  Para mim fazer.  Mim não faz, porque não pode ser sujeito. Assim:  Para eu fazer, para eu dizer, para eu trazer. 
  • 6 -  Entre eu e você.  Depois de preposição, usa-se mim ou ti:  Entre mim e você. / Entre eles e ti.
  • 7 -  Há dez anos atrás.  Há e atrás indicam passado na frase. Use apenas  há dez anos ou dez anos atrás . 
  • 8 -  Entrar dentro.  O certo: entrar em. Veja outras redundâncias:  Sair fora ou para fora, elo de ligação, monopólio exclusivo, já não há mais, ganhar grátis, viúva do falecido.
  • 9 -  Venda à prazo.  Não existe crase antes de palavra masculina, a menos que esteja subentendida a palavra moda:  Salto à (moda de) Luís XV . Nos demais casos:   A salvo, a bordo, a pé, a esmo, a cavalo, a caráter. 
  • 10 -  Porque você foi?  Sempre que estiver clara ou implícita a palavra razão, use  por que  separado:  Por que (razão) você foi? / Não sei por que (razão) ele faltou. / Explique por que razão você se atrasou.  Porque  é usado nas respostas:  Ele se atrasou porque o trânsito estava congestionado. 
  • 11 -  Vai assistir o jogo hoje.  Assistir como presenciar exige  a :  Vai assistir ao jogo, à missa, à sessão. Outros verbos com  a :  A medida não agradou (desagradou) à população. / Eles obedeceram (desobedeceram) aos avisos. / Aspirava ao cargo de diretor. / Pagou ao amigo. / Respondeu à carta. / Sucedeu ao pai. / Visava aos estudantes. 
  • 12 -  Preferia ir do que ficar.  Prefere-se sempre uma coisa  a  outra:  Preferia ir a ficar.  É preferível   segue a mesma norma:  É preferível lutar a morrer sem glória.
  • 13 -  O resultado do jogo, não o abateu.  Não se separa com vírgula o sujeito do predicado. Assim:  O resultado do jogo não o abateu.  Outro erro:  O prefeito prometeu, novas denúncias.  Não existe o sinal entre o predicado e o complemento:  O prefeito prometeu novas denúncias. 
  • 14 -  Não há regra sem excessão  O certo é exceção. Veja outras grafias erradas e, entre parênteses, a forma correta:  paralizar(paralisar), beneficiente (beneficente), xuxu (chuchu), previlégio (privilégio), vultuoso (vultoso), cincoenta(cinquenta), zuar (zoar), frustado(frustrado), calcáreo(calcário), advinhar (adivinhar), benvindo(bem-vindo), ascenção (ascensão), pixar(pichar), impecilho (empecilho), envólucro (invólucro). 
  • 15 -  Quebrou o óculos.  Concordância no plural:  os óculos, meus óculos.  Da mesma forma:  Meus parabéns, meus pêsames, seus ciúmes, nossas férias, felizes núpcias. 
  • 16 -  Comprei ele para você.  Eu, tu, ele, nós, vós e eles não podem ser objeto direto. Assim:  Comprei-o para você..  Também:  Deixe-os sair, mandou-nos entrar, viu-a, mandou-me.
  • 17 -  Nunca lhe vi.   Lhe  substitui a ele, a eles, a você e a vocês e por isso não pode ser usado com objeto direto:  Nunca o vi. / Não o convidei. / A mulher o deixou. / Ela o ama. 
  • 18 -  Aluga-se casas.  O verbo concorda com o sujeito:  Alugam-se casas. / Fazem-se consertos. / É assim que se evitam acidentes. / Compram-se terrenos. / Procuram-se empregados. 
  • 19 -  Tratam-se de.  O verbo seguido de preposição não varia nesses casos:  Trata-se dos melhores profissionais. / Precisa-se de empregados. / Apela-se para todos. / Conta-se com os amigos. 
  • 20 -  Chegou em São Paulo.  Verbos de movimento exigem  a , e não  em:   Chegou a São Paulo. / Vai amanhã ao cinema. / Levou os filhos ao circo.
  • 21 -  Atraso implicará ;em punição.  Implicar é direto no sentido de acarretar, pressupor:  Atraso implicará punição. / Promoção implica responsabilidade. 
  • 22 -  Vive às custas do pai.  O certo:  Vive à custa do pai.  Use também  em via de , e não em vias de: Espécie em via de extinção. / Trabalho em via de conclusão. 
  • 23 -  Todos somos cidadões.  O plural de cidadão é cidadãos. Veja outros:  caracteres  (de  caráter ),  juniores, seniores, escrivães, tabeliães, gângsteres. 
  • 24 -  O ingresso é gratuíto.  A pronúncia correta é  gratúito , assim como  circúito, intúito e fortúito  (o acento não existe e só indica a letra tônica). Da mesma forma:  flúido, condôr, recórde, aváro, ibéro, pólipo .
  • 8. 25 -  A última seção de cinema.  Seção   significa divisão, repartição, e  sessão  equivale a tempo de uma reunião, função:  Seção Eleitoral, Seção de Esportes, seção de brinquedos; sessão de cinema, sessão de pancadas, sessão do Congresso. 26 -  Vendeu uma grama de ouro.  Grama, peso, é palavra masculina:  um grama de ouro, vitamina C de dois gramas.  Femininas, por exemplo, são  a agravante, a atenuante, a alface, a cal etc. 
  • 27 -  Porisso.  Duas palavras,  por isso , como  de repente  e  a partir de. 
  • 28 -  Não viu qualquer risco.  É  nenhum , e não qualquer, que se emprega depois de negativas:  Não viu nenhum risco. / Ninguém lhe fez nenhum reparo. / Nunca promoveu nenhuma confusão.
  • 29 -  A feira inicia amanhã.  Alguma coisa se inicia, se inaugura:  A feira inicia-se (inaugura-se) amanhã. 
  • 30 -  Soube que os homens feriram-se.  O  que  atrai o pronome:  Soube que os homens se feriram. / A festa que se realizou...  O mesmo ocorre com as negativas, as conjunções subordinativas e os advérbios:  Não lhe diga nada. / Nenhum dos presentes se pronunciou. / Quando se falava no assunto... / Como as pessoas lhe haviam dito... / Aqui se faz, aqui se paga. / Depois o procuro. 
  • 31 -  O peixe tem muito espinho.  Peixe tem  espinha.  Veja outras confusões desse tipo:  O fuzil (fusível) queimou. / Casa germinada (geminada), ciclo (círculo) vicioso, cabeçário (cabeçalho ).
  • 32 -  Não sabiam aonde ele estava.  O certo:  Não sabiam onde ele estava.   Aonde  se usa com verbos de movimento, apenas:  Não sei aonde ele quer chegar. / Aonde vamos?
  • 33 -  Obrigado, disse a moça.   Obrigado  concorda com a pessoa: Obrigada, disse a moça. / Obrigado pela atenção. / Muito obrigados por tudo. 
  • 34 -  O governo interviu.  Intervir conjuga-se como  vir . Assim:  O governo interveio . Da mesma forma: intervinha, intervim, interviemos, intervieram.  Outros verbos derivados:  entretinha, mantivesse, reteve, pressupusesse, predisse, conviesse, perfizera, entrevimos, condisser etc. 
  • 35 -  Ela era meia louca.  Meio, advérbio, não varia:  meio louca, meio esperta, meio amiga. 
  • 36 -  Fica você comigo. Fica  é imperativo do pronome tu. Para a 3.ª pessoa, o certo é  fique :  Fique você comigo. / Venha pra Caixa você também. / Chegue aqui.
  • 37 -  A questão não tem nada haver com você.  A questão, na verdade, não tem  nada a ver  ou  nada que ver.  Da mesma forma:  Tem tudo a ver com você. 
  • 38 -  A corrida custa 5 real.  A moeda tem plural, e regular:  A corrida custa 5 reais. 
  • 39 -  Vou emprestar dele.  Emprestar é ceder, e não tomar por empréstimo:  Vou pegar o livro emprestado. Ou : Vou emprestar o livro  (ceder)  ao meu irmão.  Repare nesta concordância:  Pediu emprestadas duas malas. 
  • 40 -  Foi taxado de ladrão.  Tachar é que significa acusar de:  Foi tachado de ladrão. / Foi tachado de leviano.
  • 41 -  Ele foi um dos que chegou antes.   Um dos que  faz a concordância no plural:  Ele foi um dos que chegaram antes  (dos que chegaram antes, ele foi um). /  Era um dos que sempre vibravam com a vitória. 
  • 42 -  Cerca de 18 pessoas o saudaram.  Cerca de indica arredondamento e não pode aparecer com números exatos:  Cerca de 20 pessoas o saudaram. 
  • 43 -  Ministro nega que é negligente.  Negar que  introduz subjuntivo, assim como embora e talvez: Ministro nega que seja negligente. / O jogador negou que tivesse cometido a falta. / Ele talvez o convide para a festa. / Embora tente negar, vai deixar a empresa. 
  • 44 -  Tinha chego atrasado. Chego não existe. O certo:  Tinha chegado atrasado.
  • 45 -  Tons pastéis predominam.  Nome de cor, quando expresso por substantivo, não varia:  Tons pastel, blusas rosa, gravatas cinza ,  camisas creme.  No caso de adjetivo, o plural é o normal:  Ternos azuis, canetas pretas, fitas amarelas. 
  • 46 -  Lute pelo meio-ambiente.   Meio ambiente  não tem hífen, nem  hora extra, ponto de vista ,  mala direta, pronta entrega etc. O sinal aparece, porém, em  matéria-prima, primeira-dama, vale-refeição, etc. Perderam o hífen, entre outras: mão de obra, infraestrutura e meio de campo. 
  • 47 -  Queria namorar com o colega.  O  com  não existe:  Queria namorar o colega. 
  • 48 -  O processo deu entrada junto ao STF.  Processo dá entrada  no  STF. Igualmente:  O jogador foi contratado do  (e não junto ao )  Guarani. / Cresceu muito o prestígio do jornal entre os  (e não junto aos ) leitores. / Era grande a sua dívida com o  (e não  junto ao)  banco. / A reclamação foi apresentada ao  (e não  junto ao)  Procon.
  • 14. 49 -  As pessoas esperavam-o.  Quando o verbo termina em  m ,  ão  ou  õe , os pronomes  o, a, os  e  as  tomam a forma  no, na, nos  e  nas:   As pessoas esperavam-no. / Dão-nos, convidam-na, põe-nos, impõem-nos. 50 -  Vocês fariam-lhe um favor?  Não se usa pronome átono (me, te, se, lhe, nos, vos, lhes) depois de futuro do presente, futuro do pretérito (antigo condicional) ou particípio. Assim:  Vocês lhe fariam  (ou  far-lhe-iam )  um favor? / Ele se imporá pelos conhecimentos  (e nunca imporá-se ). /  Os amigos nos darão  (e não darão-nos)  um presente. / Tendo-me formado  (e nunca  tendo formado-me). 
  • 51 -  Chegou a duas horas e partirá daqui há cinco minutos.  Há  indica passado e equivale a  faz , enquanto  a  exprime distância ou tempo futuro (não pode ser substituído por  faz ):  Chegou há (faz) duas horas e partirá daqui a  (tempo futuro)  cinco minutos. / O atirador estava a  (distância)  pouco menos de 12 metros. / Ele partiu há (faz) pouco menos de dez dias. 
  • 52 -  Blusa em seda.  Usa-se  de , e não  em , para definir o material de que alguma coisa é feita:  Blusa de seda, casa de alvenaria, medalha de prata, estátua de madeira.
  • 53 -  A artista deu à luz a gêmeos.  A expressão é  dar à luz , apenas:  A artista deu à luz quíntuplos. Também é errado dizer:  Deu a luz a gêmeos. 
  • 54 -  Estávamos em quatro à mesa.  O  em  não existe:  Estávamos quatro à mesa. / Éramos seis. / Ficamos cinco na sala. 
  • 55 -  Sentou na mesa para comer.  Sentar-se (ou sentar)  em  é sentar-se em cima de. Veja o certo: Sentou-se à mesa para comer. / Sentou ao piano, à máquina, ao computador. 
  • 56 -  Ficou contente por causa que ninguém se feriu.  Embora popular, a locução não existe. Use porque:  Ficou contente porque ninguém se feriu.
  • 57 -  O time empatou em 2 a 2.  A preposição é  por :  O time empatou por 2 a 2.  Repare que ele  ganha por e  perde por . Da mesma forma:  empate por. 
  • 58 -  À medida em que a epidemia se espalhava...  O certo é:  À medida que a epidemia se espalhava... Existe ainda  na medida em que  (tendo em vista que):  É preciso cumprir as leis, na medida em que elas existem. 
  • 59 -  Não queria que receiassem a sua companhia.  O  i  não existe:  Não queria que receassem a sua companhia.  Da mesma forma:  passeemos, enfearam, ceaste, receeis  (só existe  i  quando o acento cai no  e que precede a terminação  ear:   receiem, passeias, enfeiam). 
  • 60 -  Eles tem razão.  No plural,  têm  é assim, com acento.  Tem  é a forma do singular. O mesmo ocorre com  vem  e  vêm  e  põe  e  põem :  Ele tem, eles têm; ele vem, eles vêm; ele põe, eles põem.
  • 61 -  A moça estava ali há muito tempo.  Haver concorda com estava. Portanto:  A moça estava ali havia (fazia) muito tempo. / Ele doara sangue ao filho havia (fazia) poucos meses. / Estava sem dormir havia (fazia) três meses.  (O havia se impõe quando o verbo está no imperfeito e no mais-que-perfeito do indicativo.) 
  • 62 -  Não se o diz.  É errado juntar o  se  com os pronomes  o, a, os  e  as . Assim, nunca use:  Fazendo-se-os, não se o diz (não se diz isso), vê-se-a , etc. 
  • 63 -  Acordos políticos-partidários.  Nos adjetivos compostos, só o último elemento varia:  acordos político-partidários.  Outros exemplos:  Bandeiras verde-amarelas, medidas econômico-financeiras, partidos social-democratas. 
  • 64 -  Fique tranqüilo.  O  u  pronunciável depois de  q  e  g  e antes de  e  e  i  não exige mais trema:  Tranquilo, consequência, linguiça, aguentar, Birigui.
  • 65 -  Andou por todo país.  Todo o  (ou  a ) é que significa inteiro:  Andou por todo o país (pelo país inteiro). / Toda a tripulação (a tripulação inteira) foi demitida.  Sem  o, todo  quer dizer cada, qualquer:  Todo homem (cada homem) é mortal. / Toda nação (qualquer nação) tem inimigos. 
  • 66 - Todos amigos o elogiavam.  No plural,  todos  exige  os :  Todos os amigos o elogiavam. / Era difícil apontar todas as contradições do texto. ]
  • 67 -  Favoreceu ao time da casa.  Favorecer, nesse sentido, rejeita  a :  Favoreceu o time da casa. / A decisão favoreceu os jogadores. 
  • 68 -  Ela mesmo arrumou a sala.  Mesmo, quanto equivale a próprio, é variável:  Ela mesma (própria) arrumou a sala. / As vítimas mesmas recorreram à polícia.
  • 69 -  Chamei-o e o mesmo não atendeu.  Não se pode empregar  o mesmo  no lugar de pronome ou substantivo:  Chamei-o e ele não atendeu. / Os funcionários públicos reuniram-se hoje: amanhã o país conhecerá a decisão dos servidores  (e não dos mesmos). 
  • 70 -  Vou sair essa noite.  É  este  que designa o tempo no qual se está ou objeto próximo:  Esta noite, esta semana  (a semana em que se está) , este dia, este jornal  (o jornal que estou lendo),  este século  (o século 21). 
  • 71 -  A temperatura chegou a 0 graus.  Zero indica singular sempre:  Zero grau, zero-quilômetro, zero hora. 
  • 72 -  A promoção veio de encontro aos seus desejos.   Ao encontro de  é que expressa uma situação favorável:  A promoção veio ao encontro dos seus desejos.  De encontro a  significa condição contrária:  A queda do nível dos salários foi de encontro às  (foi contra)  expectativas da categoria..
  • 20. 73 -  Comeu frango ao invés de peixe.   Em vez de  indica substituição:  Comeu frango em vez de peixe. Ao invés de  significa apenas ao contrário:  Ao invés de entrar, saiu. 
  • 74 -  Se eu ver você por aí...  O certo é:  Se eu vir, revir, previr.  Da mesma forma:  Se eu vier  (de  vir ), convier; se eu tiver  (de  ter ),  mantiver; se ele puser  (de  pôr ) , impuser; se ele fizer  (de  fazer ) , desfizer; se nós dissermos  (de  dizer ),  predissermos. 
  • 75 -  Ele intermedia a negociação.   Mediar  e  intermediar  conjugam-se como  odiar :  Ele intermedeia  (ou medeia )  a negociação.  Remediar, ansiar  e  incendiar  também seguem essa norma:  Remedeiam, que eles anseiem, incendeio. 
  • 76 -  Ninguém se adequa.  Não existem as formas  adequa, adeque“ etc., mas apenas aquelas em que o acento cai no  a  ou  o :  adequaram, adequou, adequasse etc.
  • 77 -  Evite que a bomba expluda.  Explodir só tem as pessoas em que depois do  d  vêm  e   e  i :  Explode, explodiram , etc. Portanto, não escreva nem fale exploda ou expluda, substituindo essas formas por rebente , por exemplo.  Precaver-se  também não se conjuga em todas as pessoas. Assim, não existem as formas  precavejo, precavês, precavém, precavenho, precavenha, precaveja , etc. 
  • 78 -  Governo ;reavê confiança.  Equivalente:  Governo recupera confiança.   Reaver  segue haver, mas apenas nos casos em que este tem a letra  v :  Reavemos, reouve, reaverá, reouvesse . Por isso, não existem reavejo, reavê , etc. 
  • 79 -  Disse o que quiz.  Não existe  z , mas apenas  s , nas pessoas de  querer  e  pôr :  Quis, quisesse, quiseram, quiséssemos; pôs, pus, pusesse, puseram, puséssemos. 
  • 80 -  O homem possue muitos bens.  O certo:  O homem possui muitos bens.  Verbos em  uir  só têm a terminação  ui :  Inclui, atribui, polui.  Verbos em  uar  é que admitem  ue :  Continue, recue, atue, atenue.
  • 81 -  A tese onde...  Onde só pode ser usado para lugar:  A casa onde ele mora. / Veja o jardim onde as crianças brincam.  Nos demais casos, use  em que :  A tese em que ele defende essa ideia. / O livro em que... / A faixa em que ele canta... / Na entrevista em que... 
  • 82 -  Já foi comunicado da decisão.  Uma decisão é comunicada, mas ninguém é comunicado de alguma coisa. Assim:  Já foi informado  ( cientificado, avisado )  da decisão.  Outra forma errada:  A diretoria comunicou os empregados da decisão.  Opções corretas:  A diretoria comunicou a decisão aos empregados. / A decisão foi comunicada aos empregados. 
  • 83 -  Venha por a roupa.  Pôr , verbo, tem acento diferencial:  Venha pôr a roupa.  O mesmo ocorre com pôde  (passado):  Não pôde vir.  Já não têm o acento diferencial:  pelo (cabelo) e  pelo  (preposição + artigo),  para  (verbo  parar ) e para (preposição),  polo etc. 
  • 84 -  inflingiu o regulamento.  Infringir  é que significa transgredir:  Infringiu o regulamento.  Infligir  (e não inflingir) significa impor:  Infligiu séria punição ao réu.
  • 85 -  A modelo pousou o dia todo.  Modelo  posa  (de pose). Quem  pousa  é ave, avião, viajante etc. Não confunda também  iminente  (prestes a acontecer) com  eminente  (ilustre). Nem  tráfico  (contrabando) com tráfego  (trânsito). 
  • 86 -  Espero que viagem hoje.  Viagem, com  g , é o substantivo:  Minha viagem.  A forma verbal é  viajem  (de viajar ):  Espero que viajem hoje.  Evite também comprimentar alguém: de cumprimento (saudação), só pode resultar cumprimentar. Comprimento é extensão. Igualmente: Comprido (extenso) e cumprido (concretizado). 
  • 87 -  O pai sequer foi avisado.  Sequer deve ser usado com negativa:  O pai nem sequer foi avisado. / Não disse sequer o que pretendia. / Partiu sem sequer nos avisar. 
  • 88 -  Comprou uma TV a cores.  Veja o correto:  Comprou uma TV em cores  (não se diz  TV ;a preto e branco ). Da mesma forma:  Transmissão em cores, desenho em cores.
  • 89 -  Causou-me; estranheza as palavras.  Use o certo:  Causaram-me estranheza as palavras.  Cuidado, pois é comum o erro de concordância quando o verbo está antes do sujeito. Veja outro exemplo:  Foram iniciadas esta noite as obras  (e não foi iniciado esta noite as obras ). 
  • 90 -  A realidade das pessoas podem  mudar.  Cuidado: palavra próxima ao verbo não deve influir na concordância. Por isso :  A realidade das pessoas pode mudar. / A troca de agressões entre os funcionários foi punida  (e não foram punidas ). 
  • 91 -  O fato passou desapercebido.  Na verdade,  o fato passou despercebido , não foi notado. Desapercebido significa desprevenido. 
  • 92 -  Haja visto seu empenho...  A expressão é  haja vista  e não varia:  Haja vista seu empenho. / Haja vista seus esforços. / Haja vista suas críticas.
  • 93 -  A moça que ele gosta.  Como se gosta  de , o certo é:  A moça de que ele gosta.  Igualmente:  O dinheiro de que dispõe, o filme a que assistiu  (e não  que assistiu ),  a prova de que participou, o amigo a que se referiu , etc. 
  • 94 -  É hora dele chegar.  Não se deve fazer a contração da preposição com artigo ou pronome, nos casos seguidos de infinitivo:  É hora de ele chegar.  /  Apesar de o amigo tê-lo convidado... / Depois de esses fatos terem ocorrido... 95 -  Vou consigo.   Consigo  só tem valor reflexivo ( pensou consigo mesmo ) e não pode substituir com você, com o senhor. Portanto:  Vou com você, vou com o senhor.  Igualmente:  Isto é para o senhor  (e não para si). 
  • 96 -  Já é 8 horas.  Horas e as demais palavras que definem tempo variam:  Já são 8 horas. / Já é  (e não são )  1 hora, já é meio-dia, já é meia-noite.
  • 97 -  A festa começa às 8 hrs.  As abreviaturas do sistema métrico decimal não têm plural nem ponto. Assim:  8 h, 2 km  (e não kms. ),  5 m, 10 kg. 

  • 98 -  Dado os índices das pesquisas...  A concordância é normal:  Dados os índices das pesquisas... / Dado o resultado... / Dadas as suas ideias... 

  • 99 -  Ficou sobre a mira do assaltante.   Sob  é que significa debaixo de:  Ficou sob a mira do assaltante. / Escondeu-se sob a cama.   Sobre  equivale a em cima de ou a respeito de:  Estava sobre o telhado. / Falou sobre a inflação.  E lembre-se: O animal ou o piano têm  cauda  e o doce,  calda.  Da mesma forma, alguém  traz alguma coisa e alguém vai para  trás. 

  • 100 - Ao meu ver.  Não existe artigo nessas expressões:  A meu ver, a seu ver, a nosso ver. 
  • Original por O Estado de S. Paulo - 1997. Atualizado e revisado por Dr. Conteúdo - 2011